A Maçonaria - Perguntas & Respostas

Por Célio Pezza

O QUE É MAÇONARIA?

A Maçonaria é a fraternidade mais antiga do mundo. Ninguém sabe a sua idade, pois suas reais origens perderam-se no passado. Em 1717, a Maçonaria criou uma organização formal na Inglaterra, quando a primeira Grande Loja foi fundada. A Grande Loja é um corpo administrativo da Maçonaria em uma determinada área geográfica. Nos EUA existe uma Grande Loja em cada Estado. No Brasil existe a seguinte estrutura:


- GOB – Grande Oriente do Brasil com Grandes Orientes Estaduais

- CMSB – Confederação da Maçonaria Simbólica do Brasil com Grandes Lojas Estaduais

- COMAB – Confederação Maçônica do Brasil com Grandes Orientes Independentes


- No Rio Grande do Sul temos o GORGS – Grande Oriente do Rio Grande do Sul

As organizações locais são chamadas de Lojas. Existem Lojas na maioria das cidades e nas maiores existem várias Lojas. No mundo todo existem perto de 4 milhões de maçons; nos EUA aprox. 1,5 milhão, no Reino Unido perto de 250 mil e no Brasil perto de 190 mil.

Observamos que existe uma ideia errônea sobre o que a Maçonaria é realmente. Muitos pensam que a Maçonaria é uma religião, e outros pensam que a Maçonaria possui rituais demoníacos e pactos macabros. Somente os maçons e uma minoria mais informada realmente sabe o que a Maçonaria é na sua essência. Buscamos nesses artigos, trazer algumas informações sobre essa fraternidade milenar.


O QUE É UMA LOJA MAÇÔNICA?

A palavra Loja significa um grupo de maçons reunidos em um determinado local. Construções maçônicas também são chamadas de Templos, pois o simbolismo que a Maçonaria usa para ensinar as suas lições vem da construção do templo do rei Salomão. A palavra Loja em si, vem das estruturas que os antigos pedreiros levantavam encostadas às catedrais em construção. No inverno, quando a construção tinha de parar, eles viviam nessas Lojas e desbastavam as pedras brutas, para a próxima etapa da construção. A disposição de uma Loja maçônica obedece a uma orientação secular, inclusive de acordo com os pontos cardeais. O Venerável da Loja senta-se no Oriente. Em outras organizações ele seria o Presidente. O 1º. e 2º. Vigilantes seriam seus vices. Os pedreiros antigos usavam aventais para carregarem suas ferramentas e para se protegerem das lascas de pedras e daí vem o costume dos maçons usarem aventais. É importante observar que em toda Loja existe um altar no qual repousa o Livro da Lei Sagrada. No caso das Lojas do Ocidente, este livro quase sempre é a Bíblia.


POR QUE A MAÇONARIA É TÃO SECRETA?

Na verdade, ela não é secreta, embora tenha essa reputação. Os edifícios maçônicos são claramente identificados e geralmente constam das listas telefônicas. Muitos membros usam anéis, distintivos na lapela e prendedores de gravatas com símbolos maçônicos. Porém, existem alguns segredos maçônicos que devem ser preservados, como em qualquer outra associação. Na verdade, ela é uma sociedade discreta e não secreta.


A MAÇONARIA É UMA RELIGIÃO?

A resposta é simplesmente NÃO. Uma pessoa que pretenda se tornar um maçom deve ter uma crença em Deus. Um ateu não pode se tornar um maçom. A Maçonaria até encoraja seus membros a terem uma religião, na igreja de sua escolha. Ela ensina que o homem, sem religião, está só e não pode alcançar seu máximo potencial, porém, não diz qual religião deva ser praticada. A Maçonaria é uma Fraternidade e não uma religião. Algumas pessoas confundem a Maçonaria com religião, porque as edificações maçônicas são chamadas de Templos.

O QUE ACONTECE NA LOJA?

A Loja é o centro das atividades dos maçons. A Maçonaria ensina que cada pessoa tem a responsabilidade de melhorar o mundo e está envolvida em projetos para ajudar o povo em geral. A grande maioria dessa ajuda vai para entidades e pessoas que não são maçons. Alguns trabalhos são menores, como a ajuda para uma família pagar sua conta de luz, cestas básicas ou a compra de sapatos e agasalhos para crianças carentes. Outras são maiores, como manter em funcionamento determinadas clínicas, hospitais e asilos. Quer sejam projetos grandes ou pequenos, os maçons de uma Loja tentam ajudar a sua comunidade, para que o mundo seja um local melhor. É comum durante uma reunião de trabalhos, correr uma contribuição para determinada pessoa que passa por momentos difíceis, quer seja ela maçom ou não. A Maçonaria lembra a seus membros, chamados de Irmãos, a importância do Amor, da Caridade, da Afeição, da busca e prática da Verdade e do estudo em geral, para que se torne cada vez mais preparado culturalmente e possa combater as desigualdades existentes no nosso muno. A Maçonaria se apoia em três princípios para tornar o mundo melhor: A Liberdade, a Fraternidade e a Igualdade.


O QUE A MAÇONARIA ENSINA?

A Maçonaria ensina alguns princípios importantes:

Como Deus é o Criador, todos os homens e mulheres são seus filhos. Por causa disto, são todos irmãos e irmãs, com direito a dignidade, respeito por suas opiniões e consideração por seus sentimentos. Daí vem o princípio da Igualdade. Cada pessoa deve assumir responsabilidades pela sua vida e pelos seus atos. Nada exime uma pessoa de procurar ser melhor, sob as circunstâncias existentes. Ninguém tem o direito de obrigar o outro a seguir determinado caminho contra a sua vontade ou crença e cada homem e mulher tem o direito à Liberdade intelectual, espiritual, econômica e política. Esse é um direito dado por Deus e não pelo Homem. Dentro deste princípio, a Maçonaria sempre combateu as tiranias, quer fossem políticas ou religiosas. Desta postura, se originaram muitas perseguições ao longo da História. Cada pessoa deve aprender e praticar o autocontrole. Isto quer dizer que cada pessoa deve lutar para fazer o seu lado espiritual triunfar sobre seu lado animal. Mesmo quando queremos desistir, devemos continuar. Mesmo quando somos odiados, devemos devolver amor, ou, no mínimo, não odiar de volta. A fé deve ser o centro de nossa vida. A Maçonaria ensina que a fé de uma pessoa, qualquer que ela possa ser, é essencial para uma vida melhor. Cada cidadão tem o dever de ser um bom cidadão, obediente à Lei. Isto não significa que não podemos tentar modificar as coisas, mas as modificações devem ocorrer por meios legais. É importante trabalhar para tornar este mundo melhor a todos que nele vivem. A Maçonaria ensina a importância de fazer o bem, porque é dever de um maçom tornar a vida de outra pessoa tão satisfatória quanto possível, sem esperar nenhuma recompensa. Isto é Fraternidade e o que para outros seria motivo de elogios, para um maçom não passa de um dever. A Maçonaria permite aos homens se associarem a outros homens íntegros que acreditam nessas qualidades e juntos, tomarem decisões mais acertadas e a prática dessas virtudes fica mais fácil, quando você sabe que todos os que estão à sua volta pensam da mesma forma.


POR QUE A MAÇONARIA USA SÍMBOLOS?

Os símbolos são utilizados, pois a comunicação é imediata. Um exemplo de símbolos utilizados no nosso dia a dia são os sinais de trânsito. A Maçonaria tem inúmeros símbolos, mas a combinação do ESQUADRO com o COMPASSO é o mais conhecido. De certa forma, é a marca registrada da Fraternidade e quando você vê este símbolo em um edifício, sabe que ali se reúnem maçons. O ESQUADRO simboliza as coisas da terra e também simboliza honra, integridade, veracidade, retidão e outros adjetivos que devem estar em nossas relações com o mundo. O COMPASSO simboliza coisas do espirito, e a importância de ter uma vida espiritual bem estruturada. Também simboliza o autocontrole e de manter dentro dos limites. O ESQUADRO e o COMPASSO simbolizam também a materialidade do homem e sua espiritualidade. A letra G representa a Geometria, ciência que os antigos acreditavam mais revelar a glória de Deus, o Grande Arquiteto Do Universo e suas obras nos céus.


MAÇONARIA EM DIVERSOS PAÍSES

É sabido que a Maçonaria, apesar de universal em sua filosofia, tem diferentes características nos diversos países. Enquanto as nações Anglo-saxônicas, sob os governos protestantes, progrediram sem restrições, as latinas e alguns países da Europa, sob o governo de católicos, sofreram perseguições, e seus membros foram obrigados a viver na clandestinidade. A Maçonaria brasileira veio da corrente latina e, muitos de seus membros, ainda hoje, sentem-se como clandestinos. Disto resulta a fama da Maçonaria ser uma organização secreta, com todas as implicações depreciativas que esta palavra implica. Nos Estados Unidos, existem folhetos impressos espalhados nas Lojas, com muitas informações, para ser distribuído entre os interessados em conhecer a Maçonaria. Explicam que o ingresso na Ordem é um compromisso sério, e o candidato tem o direito de conhecer algo a respeito, antes de decidir pelo seu ingresso, caso seja convidado. Ele assiste vídeos explicativos e discute o assunto com sua família. Já em alguns países, o candidato entra sem saber nada a respeito de onde entrou. O Brasil, com seus métodos arcaicos, gasta muita energia para manter os irmãos em suas Lojas e muitos ainda se sentem mais seguros se menos pessoas souberem a respeito da Maçonaria. Essa é uma grande diferença e não podemos nos admirar que a Maçonaria inglesa e americana tenha milhares de membros, sempre presentes nas grandes decisões em todos os níveis do país.

  • Canal Oficial
  • Telegram do Verdade Mundial
  • Loja Verdade Mundial

© 2020 - Verdade Mundial | contato@verdademundial.com.br